Um modelo bayesiano para o reconhecimento da motivação no ensino e aprendizagem de programação

  • Evandro Franzen Univates
  • Magda Bercht Ufrgs
Palavras-chave: Ensino e aprendizagem de programação, motivação, problematização, mineração de dados educacionais, Redes Bayesianas.

Resumo

Este artigo apresenta um modelo para o reconhecimento da motivação de estudantes na realização de atividades de programação em disciplinas introdutórias. Ele foi desenvolvido baseado nos fatores de esforço e confiança, que podem caracterizar a motivação. Foram coletados dados usados na construção de duas Redes Bayesianas que permitem identificar o esforço e a confiança demonstrados em cada atividade. Experimentos foram aplicados em estudantes universitários de uma Instituição de Ensino Superior, em cursos da área de computação. Os testes realizados demonstram que é possível reconhecer o nível de esforço e confiança  e as probabilidades associadas as estes níveis. Os resultados permitiram concluir que as Redes Bayesianas se constituíram em uma boa alternativa para o reconhecimento automático da motivação. Este modelo está sendo incorporado a um software de apoio ao desenvolvimento de atividades em disciplinas de programação, que utiliza metodologia ativa como base da ação pedagógica.

Publicado
2019-08-16